Pular para o conteúdo

Como manter a produtividade da equipe durante o home office?

O Brasil vivencia um período de isolamento social, desde o mês de março do ano vigente, sem previsão de término por ora. A pandemia decorrente do coronavírus, que vem se expandindo em âmbito mundial é a responsável por tamanhas precauções.
Com o isolamento inevitável, determinadas medidas precisaram ser implementadas para a vida tentar seguir, entre elas, o trabalho remoto. O home office foi uma das medidas utilizadas. O trabalho feito a partir da residência já existia, contudo, a pandemia está a ressignificar esta modalidade de trabalho.
São muitos os desafios. Contudo, para manter a equipe coesa e a produtividade em alta com o home office. Continue a leitura e confira algumas dicas para manter a equipe motivada durante o período do home office.

Estabelecimento de metas para a equipe

É preciso manter um esquema de trabalho o mais parecido possível com o ofício presencial. Nesse sentido, é importante delimitar metas claras para a equipe. As metas mantêm a equipe mais centrada e torna o ritmo de trabalho similar ao modelo presencial tradicional.
Sem falar que estipular metas permite que o funcionário tenha maior foco e se organize melhor para cumprir os prazos estabelecidos.

Realizar reuniões pontuais

Outro aspecto importante, nesse sentido, é estabelecer horários para que a equipe esteja online ao mesmo tempo. Isso possibilitará tirar eventuais dúvidas e tornará a rotina de trabalho mais similar ao ofício realizado presencialmente.
Nesse cenário, reuniões são imprescindíveis para tornar o trabalho mais dinâmico e não perder o fio da meada.
Tais reuniões podem ser presenciais ou virtuais. Existem determinados programas que permitem reunião online e configuram uma excelente opção para encontros virtuais.

Incentivar a autonomia dos funcionários

Por mais que seja necessário tentar manter uma rotina que se assemelhe ao modelo de trabalho tradicional, o home office segue sendo um modelo diferenciado e que possui peculiaridades.
Um fato inerente ao modelo citado é que não existe possibilidade dos gestores estarem acompanhando o tempo todo o desempenho de cada funcionário.
Nesse cenário, é prudente estimular a autonomia de cada membro da equipe. A confiança é um fator inestimável no que concerne ao trabalho realizado de forma remota, algo que pode fortalecer ainda mais a trajetória do profissional, além de valorizar o capital humano.

Acolhimento é essencial

Nem todos os profissionais estão acostumados ao home office. Além disso, nem todos se adaptam facilmente ao trabalho realizado de forma remota.
O papel do gestor, nesse panorama, deve ser bastante empático. É contraproducente querer que as coisas funcionem da mesma forma que no trabalho presencial, ignorando as diferenças entre os tipos de ofício.
Os gestores, portanto, devem estar aptos a aconselhar, acolher e motivar os funcionários. Até mesmo porque não se trata somente de um modelo de trabalho diferenciado, mas de uma situação global preocupante.
A pandemia vem se estendendo por muito tempo e esse fator gera ansiedade em muitas pessoas. Trata-se de um momento delicado.

Utilizar softwares para gerenciamento de tarefas

A tecnologia, como não poderia deixar de ser em tempos de transformação digital, possui um papel elementar no cenário vigente.
Utilizar softwares que permitam otimizar o gerenciamento de tarefas é uma decisão assertiva para ter maior controle do trabalho realizado de forma remota. Dessa forma, será possível um feedback embasado para os membros da equipe.

Conheça os nossos serviços

Conheça os produtos que nossa empresa oferece. Entre em contato conosco e solicite um orçamento.